terça-feira, 24 de fevereiro de 2015

Encontro

Quis te em mim...para sempre
Egoísta perpétua....meu
Sonhar-te traz-te....mas pouco
Ver-te sossega-me....nem sempre
Onde fomos, o que fizemos....nosso
E fico aqui...de caneca na mão, a olhar para a porta...e quando chegas, entras e abraças-me... a lareira crepita e o mundo....desaparece...

24 de Fevereiro 2015
Pandora de Montmartre